Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho 21, 2015

Notícias do TJGO

Ex-diretor de hospital municipal tem bens indisponibilizados por suspeita de nepotismo
A 6ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), à unanimidade de votos, reformou parcialmente decisão do juízo da comarca de Luziânia que decretou a indisponibilidade de bens de José Gonçalves de Araújo, Maria Lúcia Xavier dos Santos e Wendel José dos Santos Araújo, no valor de R$ 75.420. O relator do processo foi o desembargador Norival Santomé (foto). Segundo denúncia do Ministério Público do Estado de Goiás (MPGO), José Gonçalves é acusado de crime de nepotismo por ter contratado seu filho, Wendel, como auxiliar de enfermeiro e mais tarde como enfermeiro, enquanto era Diretor Administrativo do Hospital Regional do Jardim Ingá (HRJI). O ex-diretor também teria usado de influência política para locar o veículo de sua mulher, Maria Lúcia, para o município. Os três recorreram alegando a ausência de requisitos para a concessão da medida cautelar de bloqueio e que a nomea…

Notícias do TJGO

Intoxicado, agente de saúde será indenizado23/06/2015 14h08 O município de Catalão terá de pagar pensão mensal ao ex-agente de saúde Marcelo Gonçalves Borges, no valor de seu salário quando servidor público, até que ele complete 70 anos. Consta dos autos que Marcelo trabalhava no combate à dengue no município e ficou incapacitado para o trabalho em razão de intoxicação por pesticida. O ex-agente ainda terá de ser indenizado em R$ 20 mil por danos morais. A decisão é da 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) que, à unanimidade de votos, manteve sentença do juiz da 2ª Vara Cível e Fazendas Públicas da comarca, Marcus Vinicius Ayres Barreto. O relator do processo foi o juiz substituto em segundo grau Maurício Porfírio Rosa (foto). A prefeitura recorreu por alegar culpa concorrente, aduzindo que Marcelo foi negligente ao não utilizar o material de segurança e proteção que era fornecido. No entanto, o juiz considerou que o município não demonstrou ter adotado as medi…